Página Inicial Notícias Expressões populares - Professora de Redação faz quiz para testar conhecimento e interpretação

Notícias

07 MAR

imagem de capa Titulo

Expressões populares - Professora de Redação faz quiz para testar conhecimento e interpretação

Ensino Fundamental II

“Quem tem boca vai à Roma”, “Deus ajuda quem cedo madruga”, “pimenta nos olhos dos outros é refresco”. Esses são alguns do inúmeros ditados populares que passam de geração em geração e continuam atuais por retratarem situações do cotidiano e transmitirem conhecimentos comuns à vida. Os provérbios são curtos e diretos e fazem parte da cultura popular da humanidade. Por isso, volta e meia têm aparecido nas provas do Enem, do Pism e de outros concursos. Atenta a isso, a professora de Redação do Colégio Santa Catarina (CSC), Rosângela Noronha, propôs um quiz para os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental.

Imagem     Imagem

Imagem

“As relações familiares se modificaram com o tempo, a correria do dia a dia e também, com o uso da tecnologia, certos diálogos ficam para segundo plano. Grande parte dos alunos acabam não sabendo interpretar os provérbios por nunca terem ouvido falar. Por isso eu abordei alguns exemplos com eles, analisamos juntos os contextos em que se inserem e depois propus que eles sozinhos conseguissem adivinhar outros que deixei como desafio”, explica a professora, que está trabalhando esse tipo de expressão popular como conteúdo e depois fará uma avaliação com os estudantes sobre a valorização da cultura popular. 

Os alunos visualizaram várias imagens em que era possível identificar uma expressão popular e discutiram a respeito do emprego dela, em que contexto pode ser usada e qual conotação lhe é característica. Também analisaram exemplos de anúncios publicitários em que se emprega o uso dessa linguagem e a letra da música “Bom conselho”, de Chico Buarque, que desconstrói alguns ditados com o intuito de chamar as pessoas para a luta contra a ditadura militar, já que a música foi escrita em 1972. Por fim, Rosângela exibiu o desafio aos jovens: identificar os 16 provérbios propostos através da combinação de emojis, símbolos conhecidos dessa nova geração. 

Imagem    Imagem

Segundo Rosângela, muitas questões têm aparecido nos grandes concursos e exames trazendo uma letra de música ou um anúncio publicitário para ser analisado. “É comum anúncios e canções conterem expressões populares utilizadas como estratégia de aproximação ou mesmo persuasão do interlocutor. E nessa, o aluno pode tropeçar na interpretação por não ter conhecimento do significado dos ditos populares, o que não deixa de ser conhecimento de mundo”. Além da teoria, a professora também espera motivar um diálogo em família a respeito dos provérbios. “De repente, eles podem chegar em casa e comentar sobre o que aprenderam com os pais e avós e, quem sabe, nasça ali uma interessante troca de experiência”. 

* Outras informações, com a Assessoria de Comunicação do CSC, pelo telefone 2101-9867.

 

Colégio Santa Catarina © 2018 Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: Logotipo Emedia