Página Inicial Notícias Encontro de Educadores 2019 discute "Novas aprendizagens para um novo tempo”

Notícias

27 MAI

imagem de capa Titulo

Encontro de Educadores 2019 discute "Novas aprendizagens para um novo tempo”

Institucional

Professores, equipes administrativas, pastoral e irmãs dos colégios e creches da ACSC se reuniram em São Paulo, em maio, para o Encontro de Educadores. Realizado desde 2016, o evento é uma oportunidade para discutir metodologias, didáticas e práticas de ensino. 

Na abertura, vivemos um momento de espiritualidade, conduzido pela Pastoral Corporativa. Em seguida, Irmã Gasparina de Jesus Vidal, convidou os educadores a refletir sobre a passagem bíblica da transfiguração de Jesus, e “subir a montanha, compartilhar bagagens e abrir o coração para o novo”. Custódio Pereira, representante do Conselho de Administração da ACSC, parabenizou a iniciativa de reunir educadores para a construção de escolas cada vez mais alinhadas aos novos tempos. 

Imagem

Paulo Aquino, diretor corporativo de Educação, destacou que as novas gerações trazem em si novas perguntas, novas inquietações, e sobretudo, um novo jeito de olhar para o mundo. “Seremos a escola que formos capazes de fazer juntos. Queremos educar com alegria em espaços que, junto com as letras e os números, oportunizam experiências de fraternidade, de acolhida, de escuta, e assim, de aprendizagens colaborativas e efetivas”. 

Dentre os projetos que já estão em andamento, destaca-se a revisão dos currículos conforme a Base Nacional Curricular Comum (BNCC) em todas as nossas escolas; a formação em rede para os gestores pedagógicos, em parceria com o Instituto Singularidades, que oportuniza aos nossos professores progressiva adesão a outras metodologias e didáticas; a realização de Simpósios locais e em Rede como forma de firmar o compromisso institucional de dividir conhecimentos para somar e fazer juntos; a gestão administrativa centralizada das escolas e a segunda minuta do Projeto Educativo Comum. 

Imagem

Palestrantes engajam e encantam educadores 

A programação contou com palestra interativa sobre metodologias ativas com Lilian Bacich, doutora em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano (USP), com 28 anos na Educação Básica (professora e coordenadora), na graduação e na pós-graduação, e uma das maiores especialistas no tema. “Precisamos entender que nossos alunos aprendem de formas diferentes e existem várias formas de ensinar. A virada de chave é encontrar um caminho do meio entre aulas expositivas e metodologias ativas, e discutir o percurso metodológico”, explicou. Após a conversa, os professores participaram de uma sessão de autógrafos do livro “Metodologias Ativas para uma Educação Inovadora”, um presente entregue a todos os educadores pela ACSC. 

Ilan Brenman dividiu com os educadores o poder das narrativas no processo de aprendizagem. Doutor pela faculdade de Educação da USP, bacharel em psicologia pela PUC de São Paulo, Ilan é considerado um dos maiores especialistas (teórico e prático) em Storytelling do país, além de ser um dos principais escritores de literatura infantil do Brasil. Ele publicou mais de 70 livros (alguns premiados e traduzidos no exterior: Alemanha, França, Itália, Polônia, Suécia, Dinamarca, Espanha, Portugal, México, Argentina, Coreia e China), circula pelo Brasil há quase 20 anos ministrando palestras nas áreas educativas e culturais. “Histórias alimentam a alma e o espírito. Como estamos abastecendo nossos alunos com narrativas?”, questionou o autor. 

Imagem

Mostra de Boas Práticas 

Um dos momentos mais aguardados do Encontro de Educadores foi a Mostra de Boas Práticas. Da educação infantil ao ensino médio e profissionalizante, 18 práticas foram compartilhadas e discutidas em grupos focais, uma oportunidade de destacar as práticas em que o aluno é protagonista do processo de aprendizagem, priorizam o aprender fazendo, o trabalho em equipe, a contextualização com a realidade, e valorizam o saber prévio dos estudantes.

“Queremos iluminar as iniciativas e prestigiar o trabalho dos nossos professores. Cada vez mais essas práticas estarão presentes em nossas escolas, em um esforço para que o nosso aluno encontre significado, sentido e felicidade a partir do que aprende, tornando-se autor do próprio processo de aprendizagem e agindo com autonomia”, destaca Silvia Barbosa, gerente corporativa de Educação.

Imagem


 

Colégio Santa Catarina © 2019 Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: Logotipo Emedia